Segunda-feira, 27 de Dezembro de 2010

As civilizações dos grandes rios

Algumas das maiores e mais antigas cidades do mundo situam-se junto de grandes rios.


Se observares um mapa da Europa actual, podes concluir que Lisboa tem o Tejo, o Porto tem o Douro, Coimbra o Mondego, Madrid o Manzanares, Paris o Sena, Londres o Tamisa, Roma o Tibre, Moscovo o Moskva, Budapeste o Danúbio, Bruxelas o Senne... E há razões para isso... Os campos perto dos rios são mais férteis e as pessoas fixaram-se, há muito, à volta da sua abundância.


Os grandes rios, como o Tigre e o Eufrates na Mesopotâmia ou o Nilo no Egipto, foram os locais onde algumas sociedades neolíticas se tornaram nas primeiras civilizações.


A agricultura e a criação de gado eram um modo de vida para cada vez mais gente. Os aldeamentos de agricultores e pastores começaram a crescer, tornando-se cidades. Nas margens dos grandes rios, inundadas por grandes cheias todos os anos, descobriu-se que a terra era mais fértil, produzindo mais cereais. Então, os campos de cultivo cresceram e as pessoas chegaram em maior número, com os seus animais.


A sociedade organizada em cidades, a civilização, estava a nascer. Há cerca de 5000 anos surgiram as primeiras civilizações da História. No Crescente Fértil, floresceram as civilizações suméria e egípcia. Na Índia, perto do Ganges, e na China, perto do rio Amarelo, desenvolveram-se, por volta de 2500 a. C., civilizações, também, muito importantes. Por volta de 2000 a. C. desenvolveram-se civilizações na região do Mediterrâneo Oriental. Foi o caso das civilizações hebraica e fenícia, as quais deixaram importantes heranças para a nossa cultura.


Estas civilizações prosperaram à volta da agricultura; eram civilizações agrárias. Como produziam em quantidade, tinham sobras que comercializavam. Os mercadores acabaram por utilizar uma forma própria de registo das suas actividades: nascia então o mais antigo sistema de escrita que se conhece. O mundo, depois de tomar posse de tal instrumento, nunca mais seria o mesmo.

publicado por historia8alustosa às 17:02
| Comentar

Agrupamento de Escolas de Lousada Norte

Pesquisar

 

Junho 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


Posts recentes

Objetivos para o trabalho...

Como fazer uma apresentaç...

Objetivos para o teste de...

A nobreza

O Clero na época medieval...

A Sociedade Senhorial nos...

Os muçulmanos, por Márcia...

Objetivos para o teste de...

Lições n.ºs 62 e 63

O islamismo, Canal Histór...

Os muçulmanos na Penínsul...

Os Vikings, Canal Históri...

O Último Viking, John McT...

As invasões entre os sécu...

As incursões vinquingues

A formação dos reinos bár...

A Última Legião, Doug Lef...

As tribos germânicas, BBC

A Queda do Império Romano...

As invasões bárbaras nos ...

Divisão do Império Romano...

Lições n.ºs 78 e 79

O Cristianismo, por Ana S...

O Cristianismo, por Diogo...

Biografia de Jesus Cristo...

O Império Romano nos sécu...

Cristianismo: origem e di...

As perseguições religiosa...

A mensagem do Cristianism...

Lições n.ºs 48 e 49

Roma: ascensão e queda de...

O nascimento de Roma, Nat...

Arquivos

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Janeiro 2013

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Novembro 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Ligações